Quem Somos

Home » Quem Somos

         

 

História 

Em março do ano de 1986, aconteceu a primeira romaria a pé de Limeira a Aparecida, por um grupo de jovens denominado de JUPAM – Jovens Unidos Por Um Amanhã Espírito Santo, da Paróquia de São José, diocese de Limeira-São Paulo, que na época tinha como pároco o Reverendíssimo Padre Olívio Reato. Melhor, coordenado pelo fundador Valdevino Vieira, na Comunidade do Divino

A ideia de se formar a primeira romaria foi divulgada entre os mais ou menos cento e vinte jovens que participavam das reuniões dominicais, entre esses se destaca a pessoa de Joaquim Marcos Limede, que continua presente nas romarias até os dias de hoje. Foram divulgados vários projetos de caminhada, presenças confirmadas, muita animação e com a data marcada para o grande acontecimento Semana Santa, tempo de penitência e conversão. Entretanto, o pároco foi surpreendido com a notícia, mas o propósito daqueles jovens foi abençoado.

Tudo organizado e na semana que antecedia a data da saída da primeira romaria, dos trinta jovens confirmados ficaram apenas onze e no dia da saída eram sete jovens. Nesse momento nasceu a peregrinação “romaria á pé de Limeira a Aparecida”.

Os anos iam passando e os romeiros alimentavam um só pensamento, qual seja não bastava só caminhar, era preciso fazer algo mais concreto para a população da cidade de Limeira. No ano de 2003, acontecia a 18ª romaria e ao passarem no centro da cidade de Pindamonhangaba – SP, os romeiros pararam para ouvir a leitura do Estatuto, ao término da leitura nascia à instituição – CARA – Casa de Apoio dos Romeiros de Aparecida.

Ao retornarem a cidade de Limeira foi providenciado o local que abrigaria o serviço que a mesma iria oferecer a população, o coordenador alugou um imóvel situado a Rua Vereador Samuel Berto, 1.281 no bairro Jardim Nova Suíça e no dia dois de agosto de 2003 aconteceu à inauguração da entidade com a presença dos romeiros, da Corporação Musical Henrique Marques, do Pe. João Delmiglio da Paróquia de São José que abençoou o local e assim começou o trabalho, seguindo o versículo da bíblia escrito em Tiago 2,26 “Assim como o corpo sem alma é morto, assim também a fé sem obras é morta”.

 

Objetivo

 

objetivo da entidade era ajudar todas as pessoas que tem dificuldade momentânea de caminhar e que necessitam de ajuda. Portanto, o trabalho se constituiu em fornecer por empréstimo equipamentos tais como: (Cadeira de Rodas, cadeira de Banho, Muleta, Andador, Bengala, Cama Hospitalar e etc…) totalmente gratuito para que possa amenizar a dificuldade, atendendo também as pessoas das cidades vizinhas Iracemápolis e de Cordeirópolis.

O trabalho cresceu e as necessidades foram aumentando à medida que a entidade era divulgada e se tornava conhecida, desse modo às pessoas começaram a buscar por atendimento com (cesta básica, alimentação, medicamentos, etc…) e mais uma vez é lançado o desafio para os dirigentes da entidade, atender a população carente oferecendo refeição diária de segunda a sexta-feira.

Para dar início a esse novo serviço era necessário ter quem preparasse a refeição e atendendo a necessidade algumas senhoras voluntarias se organizaram em grupos e a refeição era preparada no dia e servida a todos que chegavam, para que esse serviço pudesse ser continuo a entidade contou com doação de colaboradores e o número de refeições servidas passavam de mais de mil mensalmente.

A busca por atendimento aumentava a dia após dia e se fazia urgente um local mais amplo e no dia 14 de maio de 2007, a Câmara Municipal de Limeira aprovou por unanimidade a doação de um terreno com aproximadamente cinco mil metros para construção da sede próprialocalizada a Rua Norberto Lourenço Caetano, nº100, no bairro Jardim Manoel Francisco.


A pedra fundamental foi lançada no dia 12 de outubro de 2007, com a presença de autoridades, romeiros e seus familiares, foi celebrada uma missa em Ação de Graças presidida pelo reverendíssimo Pe. Ismael da Paroquia de Santa Luzia.

O grande projeto de construção foi elaborado por engenheiros da UNICAMP que doaram os seus serviços, o projeto arquitetônico está dividido por blocos (bloco 1; bloco2; bloco3 e bloco 4). No ano de 2008, deu inicio a construção do primeiro bloco, resultado de muito trabalho dos romeiros, colaboradores e eventos promovido pela entidade e com as demais entidades da cidade.

Concluída a construção do primeiro bloco em maio de 2010 foi inaugurado onde pode ser ampliado o serviço desenvolvido pela entidade e no ano seguinte, maio de 2011, inaugurado o segundo bloco.

Os eventos promovidos pela entidade com a colaboração de centenas de voluntários e podendo contar sempre com os colaboradores também foram crescendo, inicio com a primeira festa do “milho” em outubro de 2009 e no ano de 2014 será promovida a sexta festa do “milho” e junto com a festa do milho que é prestigiada por milhares de pessoas de toda região de Limeira, a diretoria criou a festa da “mandioca” que também faz muito sucesso e toda a arrecadação é revertida para a construção e manutenção da entidade.

Esse grandioso trabalho oferecido à população de Limeira e resultados de muitas mãos unidas, força, coragem, perseverança e acima de tudo FÉ e muita transparência em tudo que é realizado sob a direção da diretoria.

As construções estão seguindo a todo vapor, o terceiro bloco está sendo construída a Capela réplica da Basílica de Aparecida e o quarto bloco em fase de acabamento é o Centro Dia do Idoso (creche) com capacidade de atendimento de sessenta a oitenta idosos, atualmente o serviço oferecido na entidade é voltado atender pessoas idosas com sessenta anos ou mais de acordo com a Lei 10.741 – Estatuto do Idoso e a Resolução nº109 – Tipificação Nacional de Serviços Sócio assistenciais, atendimento totalmente gratuito sob os cuidados da equipe técnica responsável composta por (Assistente Social, Cuidadoras, Enfermeira, Monitora de Artesanato, Nutricionista, Psicóloga, etc.)

 

Centro de Convivência do Idoso 

O que é o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos?

Este serviço tem por foco o desenvolvimento de atividades que contribuam no processo de envelhecimento saudável, no desenvolvimento da autonomia e de sociabilidades, no fortalecimento dos vínculos familiares e do convívio comunitário e na prevenção de situações de risco social.

Nossa Organização oferece atividades diariamente, tais como: aula de informática, plantão para tirar dúvidas sobre o celular, aulas de thai chi chuan, pintura em tela, dança de salão e muito mais.

 

Centro Dia do Idoso 

Creche do Idoso

Entre as diversas modalidades de atendimento previstas na Politica Nacional de Assistência e na Politica Nacional do Idoso, o Centro Dia caracteriza-se como espaço destinado a proporcionar acolhimento, proteção e convivência a idosos semidependentes, com 60 anos ou mais de ambos os sexos, cujas famílias não tenham condições de prover estes cuidados durante o dia ou parte dele.
Na Organização é desenvolvida diversas atividades diariamente, buscando promover o envelhecimento mais saudável e ativo.

 

Bom Prato 

O Bom Prato é a realização do direito de todos ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer a satisfação de outras necessidades essenciais, respeitando a diversidade cultural e que seja ambiental econômica e socialmente sustentável.
Este programa foi desenvolvido pelo Governo do Estado de São Paulo desde dezembro de 2.000 com o objetivo de oferecer, a população de baixa renda, refeições saudáveis e de alta qualidade a custo acessível.

Público alvo: Idosos, crianças e pessoas com deficiência.