A Cara

Home » A Cara

Em março do ano de 1986, aconteceu a primeira romaria a pé de Limeira a Aparecida, por um grupo de jovens denominado de JUPAM – Jovens Unidos Por Um Amanhã Melhor, coordenado pelo fundador Valdevino Vieira, na Comunidade do Divino Espírito Santo, da Paróquia de São José, diocese de Limeira-São Paulo, que na época tinha como pároco o Reverendíssimo Padre Olívio Reato.

A ideia de se formar a primeira romaria foi divulgada entre os mais ou menos cento e vinte jovens que participavam das reuniões dominicais, entre esses se destaca a pessoa de Joaquim Marcos Limede, que continua presente nas romarias até os dias de hoje. Foram divulgados vários projetos de caminhada, presenças confirmadas, muita animação e com a data marcada para o grande acontecimento Semana Santa, tempo de penitência e conversão. Entretanto, o pároco foi surpreendido com a notícia, mas o propósito daqueles jovens foi abençoado.

Tudo organizado e na semana que antecedia a data da saída da primeira romaria, dos trinta jovens confirmados ficaram apenas onze e no dia da saída eram sete jovens. Nesse momento nasceu a peregrinação “romaria á pé de Limeira a Aparecida”.

Os anos iam passando e os romeiros alimentavam um só pensamento, qual seja não bastava só caminhar, era preciso fazer algo mais concreto para a população da cidade de Limeira. No ano de 2003, acontecia a 18ª romaria e ao passarem no centro da cidade de Pindamonhangaba – SP, os romeiros pararam para ouvir a leitura do Estatuto, ao término da leitura nascia à instituição – CARA – Casa de Apoio dos Romeiros de Aparecida.

Ao retornarem a cidade de Limeira foi providenciado o local que abrigaria o serviço que a mesma iria oferecer a população, o coordenador alugou um imóvel situado a Rua Vereador Samuel Berto, 1.281 no bairro Jardim Nova Suíça e no dia dois de agosto de 2003 aconteceu à inauguração da entidade com a presença dos romeiros, da Corporação Musical Henrique Marques, do Pe. João Delmiglio da Paróquia de São José que abençoou o local e assim começou o trabalho, seguindo o versículo da bíblia escrito em Tiago 2,26 “Assim como o corpo sem alma é morto, assim também a fé sem obras é morta”.


Objetivo

O objetivo da entidade era ajudar todas as pessoas que tem dificuldade momentânea de caminhar e que necessitam de ajuda. Portanto, o trabalho se constituiu em fornecer por empréstimo equipamentos tais como: (Cadeira de Rodas, cadeira de Banho, Muleta, Andador, Bengala, Cama Hospitalar e etc…) totalmente gratuito para que possa amenizar a dificuldade, atendendo também as pessoas das cidades vizinhas Iracemápolis e de Cordeirópolis.

O trabalho cresceu e as necessidades foram aumentando à medida que a entidade era divulgada e se tornava conhecida, desse modo às pessoas começaram a buscar por atendimento com (cesta básica, alimentação, medicamentos, etc…) e mais uma vez é lançado o desafio para os dirigentes da entidade, atender a população carente oferecendo refeição diária de segunda a sexta-feira.

Para dar início a esse novo serviço era necessário ter quem preparasse a refeição e atendendo a necessidade algumas senhoras voluntarias se organizaram em grupos e a refeição era preparada no dia e servida a todos que chegavam, para que esse serviço pudesse ser continuo a entidade contou com doação de colaboradores e o número de refeições servidas passavam de mais de mil mensalmente.

A busca por atendimento aumentava a dia após dia e se fazia urgente um local mais amplo e no dia 14 de maio de 2007, a Câmara Municipal de Limeira aprovou por unanimidade a doação de um terreno com aproximadamente cinco mil metros para construção da sede própria localizada a Rua Norberto Lourenço Caetano, nº100, no bairro Jardim Manoel Francisco.


A pedra fundamental foi lançada no dia 12 de outubro de 2007, com a presença de autoridades, romeiros e seus familiares, foi celebrada uma missa em Ação de Graças presidida pelo reverendíssimo Pe. Ismael da Paroquia de Santa Luzia.

O grande projeto de construção foi elaborado por engenheiros da UNICAMP que doaram os seus serviços, o projeto arquitetônico está dividido por blocos (bloco 1; bloco2; bloco3 e bloco 4). No ano de 2008, deu inicio a construção do primeiro bloco, resultado de muito trabalho dos romeiros, colaboradores e eventos promovido pela entidade e com as demais entidades da cidade.

Concluída a construção do primeiro bloco em maio de 2010 foi inaugurado onde pode ser ampliado o serviço desenvolvido pela entidade e no ano seguinte, maio de 2011, inaugurado o segundo bloco.

Os eventos promovidos pela entidade com a colaboração de centenas de voluntários e podendo contar sempre com os colaboradores também foram crescendo, inicio com a primeira festa do “milho” em outubro de 2009 e no ano de 2014 será promovida a sexta festa do “milho” e junto com a festa do milho que é prestigiada por milhares de pessoas de toda região de Limeira, a diretoria criou a festa da “mandioca” que também faz muito sucesso e toda a arrecadação é revertida para a construção e manutenção da entidade.

Esse grandioso trabalho oferecido à população de Limeira e resultados de muitas mãos unidas, força, coragem, perseverança e acima de tudo FÉ e muita transparência em tudo que é realizado sob a direção da diretoria.

As construções estão seguindo a todo vapor, o terceiro bloco está sendo construída a Capela réplica da Basílica de Aparecida e o quarto bloco em fase de acabamento é o Centro Dia do Idoso (creche) com capacidade de atendimento de sessenta a oitenta idosos, atualmente o serviço oferecido na entidade é voltado atender pessoas idosas com sessenta anos ou mais de acordo com a Lei 10.741 – Estatuto do Idoso e a Resolução nº109 – Tipificação Nacional de Serviços Sócio assistenciais, atendimento totalmente gratuito sob os cuidados da equipe técnica responsável composta por (Assistente Social, Cuidadoras, Enfermeira, Monitora de Artesanato, Nutricionista, Psicóloga, etc.)

O serviço de convivência e fortalecimento de vínculo familiar e comunitário oferecido aos idosos é completar o trabalho social com família, prevenindo a ocorrência de situações de risco social e institucionalização dos mesmos. Portanto, o objetivo do Centro Dia do Idoso (creche) é colaborar com famílias que necessitam trabalhar e não possuem condições financeiras para custear um “cuidador” e assim deixam o idoso sob os cuidados da equipe técnica.

O novo prédio onde está o Centro Dia do Idoso (creche do idoso) foi inaugurado em 31 de outubro de 2014, onde atendemos os idosos num espaço em que eles estão muito bem instalados em todos o sentidos.

Outro serviço relevante que continua sendo oferecido pela entidade é o empréstimo de equipamentos de locomoção e/ou não que colaboram para a recuperação da pessoa para que a mesma volte a suas atividades diárias, atendimento voltado a qualquer faixa etária sem custo.

A entidade é regida pelo seu Estatuto – Art.3º A Associação Casa de Apoio Romeiros de Nossa Senhora Aparecida, denominada abreviadamente por – CARA -, é uma entidade civil de direito privado, de caráter beneficente, social e cultural, sem fins lucrativos, voltado principalmente para a promoção social e assistencial da população menos favorecida.